quinta-feira, 14 de maio de 2009

Resolução proíbe cirurgias estéticas em animais

orkut - Eu tenho rabinho!

Esse é o novo padrão da raça Yorkshire Terrier. Agora com cauda ficou muito mais bonito.



Cordectomia, conchectomia, caudectomia, onicectomia: A proibição é a solução?


Se você ainda não é familiarizado com estes termos ‘bonitos e bem apessoados’ vai uma tradução:

* Cordectomia: cirurgia que “amputa” as cordas vocais dos animais. Muito usada em animais ‘muito comunicativos’ por donos sem paciência.
* Conchectomia: aquela cirurgia ‘da hora’ que deixa seu cachorro com as orelhas em pé. Pra que serve isso eu ainda não sei…
* Caudectomia: Corte de rabo.Acompanhada do corte das cordas vocais acaba com toda a possibilidade de comunicação do seu cãozinho.
* Onicectomia: Corte das unhas dos gatos. Procedimento muito uilizado por donos que amam mais o sofá do que o gato.

Provavelmente você já ouvi falar que estas cirurgias são proibidas (na teoria pelo menos).
Você, como dono responsável, amante de pets e pessoa bem esclarecida já deve saber que todas as “tomias” citadas ali em cima, são cirurgias em geral de cunho só estético e sem utilidade nenhuma na vida do animal, que apenas expõem seu bichinho a um procedimento doloroso, desconfortável e completamente desnecessário.

O mais importante é nos conscientizarmos de que as cirurgias estéticas são um risco desnecessário e optarmos por termos nosso bichinho ‘ao natural’ . Infelizmente a proibição de uma coisa sempre leva à sua execução ‘pirata’, ‘por baixo dos panos’, ‘ilegal’ ou seja lá como você quiser chamar. E com as cirurgias estéticas nos animais de estimação não é diferente!

Já é sabido que a CBKC agora já aceita animais não-mutilados (ou seja, seu boxer ou yorkshire não precisa mais ter um toco de rabo e seu PitBull não precisa mais ter orelhinhas cortadas pra poder competir numa exposição), muitas pessoas ainda só querem o cachorro se ele tiver rabinho e orelhas cortadas (’fica feio’ é o que eles dizem…humpf!), então, os canis, que não querem prejuízo no seu negócio, resolvem apelar para os ‘métodos alternativos’ para manter o animal do jeito que o povo gosta. Eu tinha um vídeo que mostrava o corte de rabo realizado em um canil qualquer, pelo próprio proprietário (’próprio proprietário’…duvido que você repita isso três vezes bem rápido! Eu não consegui…) sem supervisão de um veterinário, sem anestesia, sem assepsia. Um horror! E isso me fez pensar: “Perai, proibir é mesmo a solução? Não acabou ficando muito pior?”

Então, pra você, amigo dos pets, que quer razões para não se realizar um ato de crueldade cirúrgico desnecessário no seu animal, vão os ‘contras’ (isso mesmo, não existem ‘prós’) de uma cirurgia estética:

* Mesmo quando realizadas com anestesia, por profissional habilitado etc. e tal, toda cirurgia que exige anestesia geral é um risco.
* Há sempre o risco de uma infecção pós operatória, que pode levar o pobre animalzinho a ‘conhecer São Pedro antes do previsto’ ou ’se divertir nos canis do Céu’.
* A dor no pós operatório, por mais que seja tratada é obviamente um incômodo! Eu não gosto de dor, acho que meus cachorros também não devem gostar…
* A retirada da cauda, principalmente em animais maiores, causa desequilíbrio e estresse. E se você pensa ‘e daí, é só nos primeiros dias’ pense que se alguém amputar sua perna só vai ser dor e estresse nos primeiros dias, e daí? hehehe
* A retirada das cordas vocais então, nem se fala! Imagina se fosse com você!
Seu gato resolveu afiar as unhas no sofá de casa? Compre um postinho de afiar unhas, evite que o gato suba no sofá, eduque-o, mas não mutile-o!
Orelha cortada eu nunca entendi pra que serve... Nunca tive um cachorro com orelha cortada e não sei porque alguém gostaria de ter. Sério… coisa mais inútil!
A orelha caída é uma proteção para as estruturas internas. Cão sem proteção auricular = cão mais propenso a inflamações/infecções de ouvido. Pense nisso!


E se você é daqueles que ainda acha que Pitbull tem que ter orelha cortada quase na raiz e rabo no toco, que tal se por no lugar do cachorro? Pode ser que um dia isso tenha tido alguma utilidade para o animal ou para os criadores (como os Terriers em geral que têm o rabo cortado no tamanho exato da mão do caçador - +- 3 dedos de comprimento - pra facilitar puxar o cachorro quando ele pegava uma raposa na toca), mas hoje, pra um animal de companhia, que utilidade tem?

A proibição só gera problemas maiores, então vamos optar pela concientização: eu sei, você sabe e vamos espalhar pelo mundo: mutilação com fins estéticos é errado e é crime contra o bem-estar animal!(*)

Essa de dizer que é difícil vender filhotes de yorkshire com rabo, para mim não cola! Sabe porque? Vendi duas ninhadas, sem problema algum, todos os filhotes com seus rabinhos intactos. O que falta é boa vontade e amor aos bichos, se o criador deixar de visar só lucros pensar no bem estar do animal, e se dedicar em esclarecer e conscientizar compradores, seria bem mais fácil, muito mais! O que percebi, é que a grande maioria de compradores, sequer ouviram falar na resolução. Quando me perguntavam do rabinho, eu explicava e logo entendiam e ainda concordavam comigo, diziam que também achavam desnecessário fazer esse tipo de mutilação, aprendi também, que quem ama de verdade, compra não por modismo, mas porque admira a raça e se identifica, pouco importa se tem rabo cortado ou não, se é micro ou padrão. Graças a Deus eu pude escolher para quem vender meus filhotes, não tive pressa, e cheguei a deixar de vender para pelo menos duas pessoas, por não me passarem confiança. Hoje falo com certeza que todos estão bem cuidados, amados e com seus rabos.
Eu sei que muitos criadores não gostam de mim, alguns até se afastaram, por saber que levanto essa bandeira de peito aberto, mas não me importo e enquanto eu for viva vou falar aos quatro cantos que:

SOU CONTRA AMPUTAÇÃO DE CAUDA, CORTE DA ORELHA, REMOÇÃO DAS CORDAS VOCAIS DO CÃO, RETIRADA DAS UNHAS DOS GATOS.


Quem vive de vender animais devia ter gratidão por cada filhote que nasce e cuidar com muito carinho... (**)

* Por Mariana Benitez
** Por eu mesma (autora do Blog)
Imagem: Romeo (meu filho)

32 comentários:

  1. Sinceramente, não sabia que existia cirúrgia estética para animais. Estou pasmo.

    Parabéns pelo seu trabalho e resistÊncia. Os animais merecem ser melhor tratados.

    abs

    ResponderExcluir
  2. Parabens pelo seu blog..

    visite o meu quando puder
    http://fiqueplugado.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Adorei esse blog! Sou apaixonada por cachorros!
    Tb sou contra essas cirurgias e ainda não tinha ouvido falar sobre a remoção das cordas vocais...um absurdo!!! Tenho um poodle e jamais faria isso com ele...
    beijos

    ResponderExcluir
  4. isso é um absurdo, realmente a pessoa deveria se colocar no lugar do bichinho.
    tirar as cordas vocais? como você vai se comunicar com o seu bichinho que tanto ama? tirar as unhas dos gatos? mas que absurdo! nunca teria coragem de fazer nada disso com os meus bichinhos!

    ResponderExcluir
  5. CONCORDO TOTALMENTE COM VOCÊ.

    MINHA PRIMEIRA YORKIE PEDI P/NÃO CORTAR A COLA, POIS A DONA DA MÃE DELA ME ENTREGOU COM A COLINHA CORTADA... FIQUEI MUITO CHATEADA,
    AGORA MINHA MENINA DEU CRIA E NÃO CORTEI NADA, ESTÃO MUITO FOFOS... ESTOU AMANDO A FILHOTE...

    ESTOU COM DUAS FEMEAS P/VENDER E ESTOU ACHANDO MUITO DIFICIL VENDE-LAS, VOCÊS TEM ALGUMA DICA???

    ABRAÇOS!!!

    ResponderExcluir
  6. Oie!!
    Estava pesquisando na internet sobre amputação de cauda quando encontrei seu blog, é o máximo... Parabéns pelo seu cuidado com seus animais.
    Tenho duas york, uma sem a cauda (tadinha) e outra com o rabo e ela é mto bonitinha com a cauda, eu chamo ela de rabuda hehehehe!!
    Mas esse negócio de ter cachorro por modismo coisa e tal não tá com nada!! Amo minhas yorks e quero que elas sejam saudáveis e felizes!!
    Bjão

    ResponderExcluir
  7. Artesanato e Krisluar tentei responder as duas pelo perfil de ambas mas não consegui...

    Beijosss

    ResponderExcluir
  8. Oieee...

    Eu também estava pesquisando sobre o corte do rabinho. Tenho uma poddle que deu cria semana passada, três filhotinhos... e me disseram para cortar o rabinho deles, mas não quero que eles sofram. A mãe deles eu comprei com o rabinho cortado, mas não tenho coragem de fazer isso com os filhotinhos... que pecado!!! Não sei como vão ficar com o rabinho, mas se nasceram com ele, é porque assim deve ser!
    PARABÉNS pelo blog... felicidades!

    ResponderExcluir
  9. Olá Márcia, sou totalmente contra amputações, vai causar dor e sofrimento. Eles ficam fofos com seus rabos inteiros e quando crescerem podem usar vários modelos de rabinhos é só escolher na hora de tosar o modelo que vc mais gostar.

    Beijosss

    ResponderExcluir
  10. Olá tb sou dona de uma Yorkshire linda... estava vendo as fotinhas de cachorros com rabo e achei até mas bonitinhos que com os rabinhos cortados!
    bjos adorei seu blog

    ResponderExcluir
  11. concordo com cada palavra que escreveu. Chega de maus tratos a animais, isso é uma maldade! :/

    ResponderExcluir
  12. Ei, que fofa essa da foto, tenho dois york, mãe e filhote, ambos com os charmosos rabinhos, eu adoro!!! Parabéns pelo site! :)

    ResponderExcluir
  13. comprei um yorkshire estava na duvida de cortar o rabinho dele agora decide não vou mais,vou amar ele assim

    ResponderExcluir
  14. Sou totalmente contra esses procedimentos. Minha York tem o rabinho longo e eu acho a maior graça ver ela balançando ele!
    É uma dó judiar desses animaizinhos. Antes de cortar algo deler, arranque uma unha sua e pense duas vezes!

    ResponderExcluir
  15. bom... quando eu comprei meu baby buck á uma visinha minha ele veio com o rabo inteiro mas ele não cresceu... e acho um ABsURDO vc amputar o latido do seu totó!
    o meu late que só ainda bem!
    bom... essas unhas do meu cachorro estão grandes aí eu mando cortar pois a cadela da minha prima topou por estar com as unhas muito compridas e acabou CAINDO A UNHA ! a bixinha!
    é isso
    amey o blogg

    ResponderExcluir
  16. Fui comprar um yorksheire apaixonei na hora por ela mas quando vi tava sem a calda, mas ela fez tanta festa comigo que nao tive coragem de nao trazer ela comigo. Sou contra a mutilaçao mas foi amor a primeira vista

    ResponderExcluir
  17. ola bom dia!!!Ganhei um yorkshire femea,Babi..rsrs e nao sabia q tinham amputado o rabinho dela,so que agora acho q ela arrancou os pontos ou algo assim pq ta aparacendo a ponta do rabinho,tenho q levar p pontear novamnete?o que faço?tenho medo que inflame...beijos!!

    ResponderExcluir
  18. ju diz:
    desculpa amore mais se for a unica maneira é uma conchectomia uma conchectomia que vai ser, minha cacau tem 5 meses orelha de pé e orelha caida as duas tomadas para frente e agora, veterinario- 0, tosa- 0, tala- 0, complemnto é a unica coisa que falta, E AGORA AMORE!!!!!!!

    ResponderExcluir
  19. Minha york está com 5 meses, comprei qd ela tinha 1 mês e meio, desde então faço as talinhas, mais até hj as orelhinhas ficam em pé por algum tempo depois elas voltam a cair, principalmente depois do banho. Existe alguma medicação tipo pomada ou injeção?!

    ResponderExcluir
  20. essas cirurgias são uma palhaçada, quero ver cortar as cordas vocais e o rabo de um dono deste, pra ve como é bom!! curti o blog, estão de parabéns

    ResponderExcluir
  21. palhaçada mesmo pra que? gastar dinheiro atoa com essas cirurgias? se eles querem falar de estetica então vamos falar de estetica eu acho o yorkshire com raboa té mais bonito :D

    ResponderExcluir
  22. Comprei minha cadelinha com rabo, ontem quando fui ao veterinário ele ficou me "atentando" pra eu fazer a cirurgia de corte. Hoje vim pesquisar sobre e esse seu post me ajudou bastante a decidir não tirar o rabinho dela! Adorei o seu blog e minha Lily vai continuar com o rabinho sim!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  23. Parabéns pela decisão Stephanie!

    Alias, esse veterinário deveria saber que os rabos nunca devem ser cortados e se forem cortar precisa ser antes de completarem uma semana de vida... Absurdo! Mutilar bichinhos não me parece coisa de quem realmente ama os animais...

    Beijos na Lily

    ResponderExcluir
  24. Já decidi, meus "netinhos" vão abanar seus rabinhos inteiros! Estava na dúvida pois o canil de onde comprei a fêmea, agora mamãe do Charlie e da Lola, se ofereceu pra cortar o rabinho, achei que era obrigatório do padrão da raça... mas agora, bem esclarecida, estou mais aliviada em obedecer meu coração! Se quiserem comprá-los, tem que ser com rabo inteirinho, e se não quiserem... deixem comigo, eu os amo mesmo assim!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo querida! E não se preocupe que isso não atrapalha em nada na hora de vender.

      Beijosss

      Excluir
  25. Tenho um yorkie bebê de 2 meses e meio e o amo demais, é meu filhinho de patas, eu o comprei de um criador muito sério que não pratica a caudectomia. Acho um crime cortar o rabinho do cão. Na minha opinião não vejo alegria maior do que ver aquele rabinho feliz balançando ao me ver. Também não coloquei talas nas orelhas para deixá-las em pé, tenho dó, mas gostaria de saber a opinião de vocês, essa tala é só para fins estéticos ou tem um motivo de saúde para isso? Devo colocá-las? E com relação a castração, deve ser feita? Agradeço as respostas. Um abraço, Temy, mãe do Tulo.

    ResponderExcluir
  26. ola tudo bem dona do blog?gostaria de entrar em contato com vc é possível?pode deixar um e-mail e ou teu facebook se caso tiver?obrigada

    ResponderExcluir
  27. Parabéns amei todos os comentários,comprei um york ontem e ele veio com rabinho,meu marido mandou eu entrar na net pra saber se poderia cortar o rabinho e me deparei com seu blog,e consegui convence - lo de não fazer essa maldade,e á partir de agora quando eu tiver meus netinhos tb.Obrigada.

    ResponderExcluir
  28. Parabéns pelo seu blog,como algumas pessoas citaram acima estava tb procurando saber sobre a operação da cauda,pois comprei um york ontem e ele veio com a cauda,depois de ler seu blog consegui convence - lo de não fazer a cirurgia.Obrigada !!!!!

    ResponderExcluir
  29. Amei sua postagem... estava procurando sobre o assunto, pois minha york teve filhotinhos na sexta a noite, 1 fêmea e 3 machos... e o dono do macho que cruzou com ela é criador a anos e vai ficar com a fêmea e quer vir aqui para cortar o rabo dela, alegando que o rabo se vender com o rabo cumprido os clientes querem desconto pq não é o padrão da raça.... estou revoltada com isso, pois meus machinhos manterei com rabo cumprido.

    ResponderExcluir
  30. Amei sua postagem... estava procurando sobre o assunto, pois minha york teve filhotinhos na sexta a noite, 1 fêmea e 3 machos... e o dono do macho que cruzou com ela é criador a anos e vai ficar com a fêmea e quer vir aqui para cortar o rabo dela, alegando que o rabo se vender com o rabo cumprido os clientes querem desconto pq não é o padrão da raça.... estou revoltada com isso, pois meus machinhos manterei com rabo cumprido.

    ResponderExcluir
  31. Tenho um York macho de dois anos com um cotoco de rabo. Comprei uma fêmea linda, que não tem nada de rabo o que me chamou a atenção,pois tinha pensado sobre isso. Agora fiquei horrorizada em pensar no sofrimento deles quando seus rabinhos foram cortados pois os amo muito. Quando minha Tininha tiver seus filhotinhos, seus rabinhos não serão cortados.

    ResponderExcluir

Importante: todo e qualquer texto publicado através do sistema de comentários não reflete necessariamente a opinião deste blog ou de seu autor. As opiniões emitidas através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos visitantes que dele fizerem uso. O autor deste blog não se responsabiliza por quaisquer consequências e/ou danos que eles venham a provocar, e reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar desrespeitosos a terceiros.